VIOLÊNCIA NO CEARÁ SERÁ CLASSIFICADA COMO TERRORISMO, AVISA BOLSONARO

O presidente Jair Bolsonaro, defendeu, em publicação no Twitter, endurecer a legislação penal contra atos como incêndio ou depredação de bens, classificando-os como terrorismo.

Fazendo menção à situação no Ceará, onde facções criminosas têm levado a cabo ações como detonação de explosivos em pontes e torres de transmissão em uma onda de ataques que já dura mais de dez dias, Bolsonaro defendeu ainda um projeto de lei que, segundo críticos, pode criminalizar movimentos sociais.

“Ao criminoso não interessa o partido desse ou daquele governador. Hoje ele age no Ceará, amanhã em SP, RS ou GO. Suas ações, como incendiar, explodir, … bens públicos ou privados, devem ser tipificados como TERRORISMO. O PLS 272/2016 do Sen. Lasier Martins é louvável”, escreveu o presidente na manhã deste sábado.

Moradores da região metropolitana da Grande Fortaleza, no Ceará , começaram a manhã de sábado incomodados com a instabilidade no fornecimento de energia elétrica. Conforme relatam internautas, a rede ainda apresenta oscilações como consequência de um ataque a uma torre de transmissão no município de Maracanaú durante a madrugada, que deixou alguns bairros no escuro. No 11º dia da onda de violência que assola o estado, criminosos destruíram a base do equipamento de propagação e também explodiram uma concessionária de veículos na capital.

Com as duas novas ocorrências, 194 episódios violentos foram registrados desde que facções criminosas passaram a agir em represália à decisão do governo estadual de parar de agrupar detentos de acordo com as organizações às quais são filiados. O presidente Jair Bolsonaro disse que, em sua concepção, as ações deveriam ser classificadas como terrorismo.

Conforme relatou a Polícia Militar ao G1, a torre foi alvo durante a madrugada e um helicóptero foi utilizado na busca pelos autores do atentado, que ainda não foram encontrados. O apagão atingiu bairros das cidades de Fortaleza, Cascavel, Eusébio, Maranguape, Itaitinga e da própria Maracanaú. Nesta sexta-feira, o governador Camilo Santana (PT) anunciou que quer pagar recompensas em dinheiro para quem ajudar o poder público com informações sobre executores desses e de outros crimes ou puder antecipar pistas sobre novas ações.fontes:https://exame.abril.com.br/brasil/bolsonaro-defende-classificar-onda-de-violencia-no-ceara-como-terrorismo/ https://oglobo.globo.com/brasil/onda-de-violencia-no-ceara-chega-ao-11-dia-com-ataquestorre-de-transmissao-de-energia-concessionaria-23366177

Ta na cara que o PT está dando as cartas … vejam em PT POR TRÁS DO TERRORISMO NO CEARÁ? https://www.mercadosporpinchas.com/2019/01/06/pt-por-tras-do-terrorismo-no-ceara/

Bons Negócios !!

Be the first to comment

Leave a Reply