AS QUENTES DO DIA 13/06

“Grande questão não é o ruído, mas sim o eco. Trump é marretado sem dó e isso acaba por enfraquecer os oponentes que caem em descrédito, fortalecendo o ofendido, no caso o Trump. Bolsonaro parece querer ir pelo mesmo caminho.”
Alexandre Aurani (@xandeaurani)

1- O cenário externo reflete a decisão do Parlamento britânico de rejeitar pela segunda vez o acordo proposto pela premiê Theresa May para o Brexit, como é chamada a saída do Reino Unido da União Europeia. Após este voto contrário pelo placar de 391 a 242, há chance de mais uma rodada de votações na quarta e na quinta-feira, especificamente sobre se o Reino Unido deveria deixar o bloco sem acordo ou se deveria pedir mais um prazo para sua saída, marcada para 29 de março. Uma extensão seria analisada pela Comissão Europeia no próximo dia 21 e, provavelmente, referendada. O acordo já tinha sido rejeitado em janeiro, por conta do chamado backstop, ou “rede de segurança”, que manteria o Reino Unido numa união aduaneira com a UE para evitar a criação de controles fronteiriços entre as duas Irlandas. No acordo anterior, o Reino Unido poderia ser obrigado a manter tal união aduaneira por um período indefinido, sem ser capaz de sair unilateralmente. O projeto para votação hoje permite que o backstop se torne permanente, mas não uma retirada unilateral.

2- Fique de olho em nova rodada de indicadores importantes na quarta-feira, além dos holofotes em Brasília com a expectativa de instalação da CCJ, que marca a etapa inicial da tramitação da reforma da Previdência no Congresso. Aqui no Brasil serão conhecidos os números da produção industrial em janeiro em meio aos sinais de lentidão maior que a esperada na atividade, corroborada pela revisão para baixo das projeções para o crescimento da economia brasileira neste ano. Lá fora, o mercado acompanhará dados também de atividade industrial, na Europa e nos Estados Unidos, onde também serão divulgados índices de preços ao produtor e de gastos de construção civil. Depois do fechamento, a China também publicará dados de indústria, além de vendas do varejo e taxa de desemprego. A atenção aos indicadores vem após recentes dados mistos nos EUA, que contribuem para a persistência de incertezas dos investidores a respeito da saúde da economia global.

3- E um dia após a prisão dos dois suspeitos de ter matado a vereadora Marielle Franco, a expectativa é pelos próximos passos da investigação. A polícia do Rio aposta na análise de indícios coletados em 34 mandados de busca e apreensão e em eventuais delações premiadas para determinar o que motivou os assassinatos e chegar ao eventual mandante do crime. Uma das apreensões realizadas ontem no Rio aconteceu na casa de um amigo de Ronnie Lessa. No local, a polícia encontrou 117 fuzis incompletos, um recorde na história do estado. Em 2017, 60 fuzis foram apreendidos no aeroporto do Galeão — maior quantidade registrada até então.

4- A Administração de Informações sobre Energia dos EUA divulgará seu relatório semanal oficial de suprimentos de petróleo para a semana encerrada em 8 de março às 10h30, horário de Brasília (14h30 GMT). Analistas esperam que o EIA relate um ganho de cerca de 2,7 milhões de barris em estoques de petróleo, embora o American Petroleum Institute tenha dito que os estoques de petróleo dos EUA caíram em 2,6 milhões de barris na semana passada.

5- T-Mobile e Sprint: O CEO da T-Mobile, John Legere, e o CEO da Sprint, Michel Combes, testemunharão perante a subcomissão do Judiciário da Câmara dos EUA na quarta-feira. Eles responderão a perguntas sobre a fusão planejada de suas empresas.
As empresas afirmaram que precisam se unir para se manterem competitivas com as rivais maiores, Verizon e AT & T, à medida que o mercado de serviços sem fio muda para 5G. A AT & T é dona da controladora da CNN, a Warner Media.

6- A sessão da última sexta-feira (8) foi marcada pela forte saída de recursos de investidores estrangeiros do segmento Bovespa da B3. No dia, as compras foram de R$ 6,404 bilhões e as vendas de R$ 7,756 bilhões, resultado em saídas de R$ 1,351 bilhão no dia, fazendo com que o saldo do mês fique negativo em R$ 1,384 bilhão. A jornada representou a ampliação da posição comprada dos investidores institucionais, que na última sexta-feira realizaram aquisições de R$ 5,074 bilhões e alienações de 3,779 bilhões. Com isso, o dia 8 teve resultado positivo de R$ 1,295 bilhão, com o mês superavitário em R$ 1,067 bilhões.

Bons Negócios !!______________________Yochanan Pinchas

Be the first to comment

Leave a Reply