AS QUENTES DO DIA 13/08 (BOLSONARO AVISA: CRISE MIGRATÓRIA ARGENTINA)

“Vulcabras tem somente 8% das receitas via exportação; vendas para Argentina já estavam interrompidas”
Pedro Albuquerque, membro experiente TC (@albuquerque)

1- É importante seguir atento ao noticiário sobre a situação na Argentina e esperar por qualquer comentário da chapa vencedora ou perdedora – o que pode acalmar ou exaltar ainda mais os ânimos no mercado. No campo dos indicadores, a Alemanha e os Estados Unidos divulgam amanhã o IPC de julho. A China informa produção industrial anual, vendas no varejo e taxa de desemprego anual. Entre os resultados corporativos, BTG Pactual e Equatorial informam balanços antes da abertura dos mercados. Ainda hoje, depois do fechamento, pelo menos 15 outras companhias divulgam resultados, como Qualicorp, Hapvida, Randon, Magazine Luiza e Eletrobras. 

2- No campo político local, o investidor deve atentar para o encaminhamento da Reforma da Previdência, que segue agora para o Senado. Para o membro experiente do TC e analista político da IdealPolitik, Leopoldo Vieira, os sinais que vêm do Senado são positivos: Davi Alcolumbre, presidente desta Casa, estima que a apreciação do texto vá até final de setembro, e acredita que os senadores não têm divergências relevantes em relação ao que os deputados aprovaram. Fique de olho também nas reformas Tributária e Administrativa.

3- A empresa de infraestrutura e energia Cosan informou nesta segunda-feira que registrou lucro líquido de 418,3 milhões de reais no segundo trimestre, ante prejuízo de 64,3 milhões de reais no mesmo período do ano passado. Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado somou 1,18 bilhão de reais, alta de 14,1% no comparativo anual. A Cosan informou ainda que a moagem de cana da Raízen Energia, joint venture da empresa com a Shell (LON:RDSa), ficará entre 61 milhões e 63 milhões de toneladas na temporada 2019/20, estável ante previsão anterior. Segundo a Cosan, chuvas atrasaram o início das operações da companhia na safra 2019/20, e a moagem no período totalizou 21 milhões de toneladas (-7%). Já a produtividade média do canavial foi de 9,4 kg ATR/ha (-2%), pela maior diluição de sacarose na cana. A produção de açúcar equivalente foi de 2,4 milhões de toneladas (-11%), com foco na maximização da produção do etanol (51% do mix da cana), disse a empresa.

4- A Eletrobras (ELET3; ELET6) anotou um lucro líquido de R$ 5,5 bilhões no segundo trimestre de 2019, resultado 305% superior ao R$ 1,3 bilhão obtido no mesmo período de 2018, mostra um relatório enviado ao mercado nesta segunda-feira (12).
O resultado foi composto pelo lucro líquido das operações continuadas de R$ 301 milhões e de R$ 5,2 bilhões referente às operações descontinuadas de distribuição, resultado da reversão do patrimônio líquido negativo da Amazonas Energia, decorrente da privatização da empresa. A receita operacional líquida apresentou crescimento de 12%, passando de R$ 5,9 bilhões para R$ 6,6 bilhões, com destaque para a agregação de receita da Eletrobras Amazonas GT de R$ 727 milhões e para a GAG Melhoria relativa às concessões renovadas de cerca de R$ 250 milhões.

5- O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira que a Argentina pode enfrentar uma crise migratória, com cidadãos deixando o país em direção ao Brasil, caso a oposição ao presidente Mauricio Macri vença as eleições de outubro, como aconteceu em uma votação primária no domingo. O neoliberal Macri, que é aliado de Bolsonaro, sofreu uma dura derrota para o candidato de centro-esquerda Alberto Fernández nas eleições primárias argentinas, indicando a derrota do presidente na votação presidencial deste ano. Fernández tem como vice a ex-presidente Cristina Kirchner, que liderou o país entre 2007 e 2015. “Não se esqueçam, mais ao sul, da Argentina, o que aconteceu nas eleições de ontem. A turma da Cristina Kirchner, que é a mesma da Dilma Rousseff, que é a mesma de Maduro, Chávez e Fidel Castro, deu sinal de vida aqui”, disse Bolsonaro em discurso durante cerimônia de inauguração de obra de uma estrada no Rio Grande do Sul. “Povo gaúcho, se essa esquerdalha voltar aqui na Argentina, nós poderemos ter, sim, no Rio Grande do Sul, um novo Estado de Roraima, e não queremos isto, irmãos argentinos fugindo para cá, tendo em vista o que de ruim parece que deve se concretizar por lá caso essas eleições realizadas ontem se confirmem agora no mês de outubro”, acrescentou. Bolsonaro já havia afirmado no passado que uma vitória da oposição na eleição presidencial da Argentina poderia transformar o país em uma “nova Venezuela”, fazendo referência à crise atravessada pelo país governado pelo socialista Nicolás Maduro.

6- A terça-feira é mais um importante dia da safra de balanços do segundo trimestre. Antes da abertura dos mercados será a vez dos bancos Banrisul (SA:BRSR6) e BTG Pactual (SA:BPAC11), da operadora de planos de saúde Hapvida (SA:HAPV3) e da elétrica Equatorial (SA:EQTL3) divulgarem seus números do período.

Bons Negócios !!_____________________Yochanan Pinchas

Be the first to comment

Leave a Reply